DSCN1440Muita gente viaja para descansar, muitos outros viajam para crescer como pessoas e experimentar o que o mundo tem de diferente. Pessoalmente gosto mais da segunda hipótese, mas até agora tenho-me mantido sempre por percursos mais ou menos conhecidos e turísticos. Num entanto um amigo meu, Gonçalo França de seu nome, Mafrense e Saloio de gema, resolveu sair da sua zona de conforto, e tentar uma viagem digna de registo.

Depois de analisar vários possíveis destinos, optou pelo extremo Oriente, desde Hong Kong até à Malásia, passando por inúmeros lugares desde o Cambodja ao Vietname, e uniu-se ao seu primo, e partiram em viagem.

Para relatar a sua viagem, o Gonçalo resolveu fazer um blog, onde tenta actualizar a cada dia as aventuras, e desventuras dos seus dias. Fazendo disto uma opção tanto para guardar as suas recordações para mais tarde, como também para ir mostrando à família e amigos como está e o que está a experienciar.

Com uma boa qualidade dos seus textos, e uma leitura fluída e coesa, já era um motivo para ir lendo o Blog. Junte-se a isto uma boa quantidade de fotografias, e o que ele fala nem sempre ser semelhante ao que se encontra em qualquer guia turístico, aguça ainda mais o gosto em seguir esta jornada.

Mas não se fica por aqui. Muita gente não viaja por falta de dinheiro, mas também não fazem por colocar os valores que pensa em gastar muito acima do que na realidade podem ser. Alguns dos textos mais lidos e comentados do Gonçalo são sobre esse tema. Usando planeamento, e inteligência, ele descreve os seus gastos com a viagem, cuidadosamente anotados, e mostra que se podem fazer viagens exóticas e longínquas, por valores muito inferiores aqueles que se supõe.

Noutra vertente da organização que demonstra, temos a escolha minuciosa do que levar, e o que é realmente necessário para fazer uma super viagem destas. Mesmo que perdendo algum conforto como é claro. Tudo isto ele detalha com pormenor, e deixa muito conhecimento para quem sonhar um dia fazer uma viagem destas.

Outro dado curioso é que o Gonçalo profissionalmente está ligado à culinária, e além de falar muito das experiências gastronómicas que vai tendo, tem feito questão de tentar ao máximo fazer pequenos cursos sobre a culinária local de diversos países. Um excelente exemplo de quem aproveita as férias não só para viajar, mas também para conseguir evoluir profissionalmente.

Pode não ser um roteiro daqueles que se vêm nas revistas cor de rosa, apenas com praias de areia branca e cocktails na piscina, mas é uma viagem magnifica, e uma experiência de vida única que podem ir acompanhando a par e passo. Sigam o meu conselho, e vão a http://viajometro.blogspot.pt/ vale mesmo a pena.

Um grande abraço Gonçalo, e primo, e boa sorte para o resto da viagem!

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.