Houve uma medida do governo de José Sócrates que foi realmente boa. Maior liberdade de escolha em ser ou não fumador.

Passaram seis anos com esta lei em vigor. Muita gente fez orelhas moucas. A fiscalização poderia ter sido mais forte. Mas na verdade esta lei vigora. Fazendo o balanço deste tempo o governo apresentou uma proposta de melhoramento da mesma. Esta proposta de alteração vem dar mais liberdade ao não fumador. Algo louvável a meu ver.

Sei que muitos fumadores consideram um atentado à sua liberdade. Para eles fumar onde quiserem é o correcto. Esquecem-se de um pequeno facto. Um não fumador, ao não fumar, não está a intoxicar ninguém. Fumadores ao fumarem estão efectivamente a forçar o próximo a fazê-lo.

Não quero ser fundamentalista. Na rua o sistema de extracção de fumo do planeta terra funciona lindamente. Como tal deve ser permitido fumar na rua. E isto incluí obviamente as esplanadas.

Na casa de cada um, a opção é do proprietário. Esta parte é óbvia também.

Nos espaços interiores a extracção funciona mal. Mesmo com os sistemas de extracção actuais. E considerar que funcionam mal é ser brando.

O que é comum em todos os bares onde é permitido fumar? Todos tresandam! Em restaurantes o caso é apenas ligeiramente melhor. Ainda assim bem longe do aceitável.

Os espaços para fumadores dos centros comerciais? Mais um foco de fumo. E para piorar ainda espalham fumo pelas zonas adjacentes.

Os riscos para a saúde de fumadores e não fumadores são evidentes.

A actual legislação permite que se fume em espaços interiores. Mas levanta logo a ressalva: estes terão de estar munidos de sistemas eficazes de extracção de fumo de tabaco eficazes. O problema está aí. Seis anos desta lei vieram provar que os sistemas não funcionam.

Foi bom ter-se tentado o caminho intermédio. O que mostra este caminho intermédio? Que não é suficiente.  Como ajudar a saúde pública? Como zelar pela liberdade de não ser fumador?

Fumar em espaços públicos fechados deve ser proibido.

Claro que isto é uma proposta de alteração à lei. Quem se oporá? O lobby das tabaqueiras é óbvio. Muitos fumadores egocêntricos também. Alguns estabelecimentos nocturnos também. Tal como os Casinos. Esperemos que não consigam travar a lei. Mas nunca fiando…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.